Diretora da Ambiental Ceará reforça compromisso com mulheres na liderança, em encontro no Seminário de Gestores

Postado por ambientalceara em 07/jun/2023 - Sem Comentários

Águeda Muniz foi uma das convidadas do almoço “Mulheres no poder e o fortalecimento da democracia”, nesta quarta-feira (7)

A diretora de Relações Institucionais da Ambiental Ceará, Águeda Muniz, foi uma das lideranças que participou, nesta quarta-feira (7), do almoço “Mulheres no poder e o fortalecimento da democracia”, na 11ª edição do Seminário de Gestores Públicos – Prefeitos Ceará 2023, em Fortaleza. O encontro contou com a participação da vice-governadora do Ceará, Jade Romero; da senadora Augusta Brito; da primeira-dama do Ceará, Lia de Freitas; e da secretária estadual de Proteção Social, Onélia Santana.

“As mulheres são centrais na Ambiental Ceará, desde a diretoria até a cliente final, que recebe a ligação de esgotamento sanitário em casa. Hoje, a nossa diretoria tem 50% de mulheres. Somos uma empresa da Aegea Saneamento, companhia que é signatária do Pacto Global da ONU e tem a meta de aumentar a representatividade feminina em cargos de liderança para 45% até 2030. As mulheres são as mais afetadas pelos impactos da falta de saneamento básico e, por isso, as operações da Aegea têm olhar estratégico e sensível para esse público”, reforçou Águeda.

Durante o almoço, a vice-governadora Jade Romero elogiou o protagonismo feminino na gestão e nas políticas internas da Ambiental Ceará e anunciou, ainda, o aporte de R$ 20 milhões para abertura de crédito para mulheres em todo o Estado. Prefeitas, vice-prefeitas, vereadoras, secretárias de estado e municípios e várias outras lideranças políticas também participaram do encontro, que fortaleceu o compromisso de ampliar, cada vez mais, a presença feminina nos espaços de poder do Ceará e do Brasil.

PPP do esgoto

Por meio de Parceria Público-Privada (PPP) firmada com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), a Ambiental Ceará fica responsável pela ampliação, operação e manutenção dos sistemas de esgotamento sanitário em 24 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri. Ao todo serão investidos R$ 6,2 bilhões, beneficiando 4,3 milhões de pessoas.

Ambiental Ceará apresenta projeto da PPP de esgotamento sanitário para Câmara Setorial da Construção Civil e Imobiliária da Adece

Postado por ambientalceara em 07/jun/2023 - Sem Comentários

A diretoria da Câmara conheceu o projeto da maior PPP de esgotamento sanitário do país, firmada entre a Ambiental Ceará e a Cagece

Nessa quarta-feira (07), o diretor-presidente da Ambiental Ceará, André Facó, participou da reunião da Câmara Setorial da Construção Civil e Imobiliária da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece). Na ocasião, os integrantes e diretoria da Câmara conheceram o projeto da maior Parceria Público-Privada (PPP) de esgotamento sanitário do país, firmada entre a Ambiental Ceará e a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece). A meta é a universalização do saneamento em 24 cidades cearenses.

Para André Facó, o encontro foi uma oportunidade de apresentar o trabalho que será desenvolvido pela Ambiental Ceará no Estado. “Este é um setor em que há uma implicação direta tanto nos investimentos quanto no planejamento das cidades. Estar neste diálogo é uma forma de compreender quais são as necessidades, as tendências e, dessa forma, também, ajustar os nossos planos de ação. É um momento de também garantirmos mais parcerias para estar junto nesse grande desafio que é universalizar o esgotamento sanitário para 4,3 milhões de cearenses”, destacou o diretor-presidente da Ambiental Ceará.

Irineu Guimarães, CEO da BLD Urbanismo e representante da Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil (ADIT Brasil), ressaltou a importância da PPP para a população. “É uma parceria de 30 anos que irá beneficiar mais de 50% da população cearense. Acredito que nós, enquanto representantes de diversas entidades da sociedade civil, precisamos compreender toda a dimensão que é esta Parceria Público-Privada e ver possibilidades de contribuir para este projeto tão importante e necessário para o Ceará”.

A reunião também contou com a presença do arquiteto da EXP Brasil, Gustavo Amorim, que reforçou a relevância do projeto para o desenvolvimento das cidades beneficiadas e para a geração de novos negócios no Estado. “Enxergo que esta universalização vai potencializar, ainda mais, a economia do Ceará. Além de proporcionar mais saúde e melhoria de vida das pessoas. Este projeto também vai propiciar uma maior valorização nos territórios que tiverem mais infraestrutura e acesso à rede de esgotamento sanitário”, disse. A reunião da Câmara Setorial também contou com a participação de representantes do segmento.

PPP do esgoto

Por meio de Parceria Público-Privada (PPP) firmada com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), a Ambiental Ceará fica responsável pela ampliação, operação e manutenção dos sistemas de esgotamento sanitário em 24 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri. Ao todo serão investidos R$ 6,2 bilhões, beneficiando 4,3 milhões de pessoas.