Notícias

Ver notícia

Intervenção realizada pela Ambiental Ceará faz parte do pacote de transformações em municípios da Região Metropolitana de Fortaleza

O cenário de esgoto correndo a céu aberto, com mau cheiro e mosquitos, que definia boa parte do bairro Pinheiro, em Guaiúba, deu lugar a ruas com novas redes de coleta de esgoto que vão ajudar na melhora da qualidade de vida de quem reside na região. A Ambiental Ceará, empresa parceira da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), concluiu a implantação de 1,5 km de tubulação de esgotamento sanitário na cidade, permitindo que imóveis se conectem ao sistema de coleta e tratamento de esgoto.

Cerca de 300 famílias do bairro serão diretamente beneficiadas com a intervenção, como a do agricultor José Almir da Silva, 70, que mora ali há mais de cinco décadas. “Quando cheguei aqui, era só mato. O esgoto caía na rua, o cheiro era muito ruim e os meninos viviam cheios de doenças. Pra acabar com isso, a gente puxou um cano pra jogar o esgoto ali longe, e não ficar aqui na rua”, diz ele, que divide a casa com dois filhos e dois netos pequenos. “Quando essa obra chegou aqui, eu já vi o pessoal fazendo o serviço bem feito, e fiquei feliz, porque a gente tava precisando mesmo”, celebra ele, que diz estar pronto para conectar a própria casa na rede recém-implantada.

“A obra de Guaiúba está dentro do cronograma de intervenções que, no curto prazo, vão trazer grandes mudanças para a população. Neste caso, serão 300 residências que deixarão de despejar o esgoto, de maneira irregular, no meio ambiente, reduzindo a incidência de doenças e trazendo mais qualidade de vida”, explica o diretor de Operações da Ambiental Ceará, Fernando Lima. “Além de Guaiúba, estamos operando o sistema de esgotamento sanitário em mais 23 cidades do Ceará, o que inclui a expansão da rede de coleta, manutenção das Estações de Tratamento e Elevatórias de Esgoto, realizando limpezas preventivas e cumprindo diversas etapas para universalizar o acesso à coleta e ao tratamento de esgoto dentro do prazo de 10 anos”, completa o diretor.

Canteiro de obras de esgotamento sanitário da Ambiental Ceará em Guaiúba, na Região Metropolitana de Fortaleza. (Foto: Esdras Nogueira)

A implantação do novo sistema de esgoto no bairro Pinheiro também foi celebrada pela costureira Elisângela Sousa, 49, que fica o dia todo trabalhando na sala de casa lidando com o forte odor que vem da rua. “Eu até evito de trazer visita aqui, porque a gente limpa a casa, mas ainda fica aquele mau cheiro”, descreve ela. A costureira conta, ainda, que o despejo irregular de esgoto na região polui o Riacho Cachimbo, corpo d’água que corta o município e não pode mais ser utilizado pelos moradores. 

Operação na RMF

As obras em Guaiúba fazem parte de um pacote de intervenções da Ambiental Ceará em municípios da Região Metropolitana de Fortaleza atendidos pela Parceria Público-Privada (PPP) de esgotamento sanitário. Desde junho deste ano, foram implantados 18,5 km de novas redes coletoras de esgoto em 12 municípios da RMF. Essa infraestrutura permitirá que mais de quase 10 mil imóveis se conectem ao sistema de esgotamento sanitário, pondo fim ao despejo irregular de esgoto no meio ambiente e garantindo mais saúde e qualidade de vida para os moradores.

PPP do esgotamento sanitário

Por meio da Parceria Público-Privada (PPP) firmada com a Cagece, a Ambiental Ceará é responsável pela ampliação, operação e manutenção do sistema de esgotamento sanitário em 24 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri. A PPP atende 4,3 milhões de cearenses e, ao todo, R$ 6,2 bilhões serão investidos em obras. A PPP visa promover o avanço do esgotamento sanitário para 90% da população até o ano de 2033, avançando para 95% em 2040.

OBRAS EM ANDAMENTO NA REGIÃO METROPOLITANA DE FORTALEZA

Aquiraz

  • Bairro Divinéia

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 1.270 pessoas
Conclusão prevista para novembro de 2023

Caucaia

  • Bairro São Miguel

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 875 pessoas
Conclusão prevista para janeiro de 2024

Itaitinga

  • Bairro Centro

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 1.800 pessoas
Conclusão prevista para dezembro de 2023

Maranguape

  • Bairro Outra Banda

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 2.200 pessoas
Conclusão prevista para dezembro de 2023

Paracuru

  • Bairro Maleitas

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 525 pessoas
Conclusão prevista para janeiro de 2024

São Gonçalo do Amarante

  • Bairro Lagoa da Prejubaca

Implantação de rede coletora de esgoto
População beneficiada: 420 pessoas
Conclusão prevista para janeiro de 2024

Compartilhar:

Veja Também

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Contato Saiba mais
Contato

O atendimento ao cliente permanece com a Cagece. Utilize a Central de Atendimento da Cagece para qualquer solicitação.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.