Notícias

Ver notícia

Com o objetivo de criar uma rede de empreendedores do saneamento capazes de atuar nas atividades de interligação de imóveis na rede de esgotamento sanitário e na manutenção de instalações sanitárias, a Ambiental Ceará lançou, na noite desta segunda-feira (08/04), no Senai Parangaba, o programa Mãos e Obras em Fortaleza. Nesta primeira turma, o projeto irá capacitar, gratuitamente, moradores do bairro Parangaba e bairros próximos no curso Técnicas de Instalações Sanitárias.

A aluna da primeira turma, Inêz Helena Lima, de 55 anos, ficou sabendo do curso por meio de uma cliente que compra seus salgados e como costuma fazer pequenos reparos em casa, resolveu participar da capacitação. “Eu já tinha vontade [de fazer o curso], pois tudo eu mexo um pouco. Espero aprender e fazer um serviço de qualidade tanto na minha casa quanto, se alguém, um vizinho, uma pessoa da comunidade precisar, eu estar apta para ajudar”, contou.

Durante a aula inaugural de lançamento do Mãos e Obras, a diretora de Relações Institucionais da Ambiental Ceará, Águeda Muniz, falou sobre o projeto, uma iniciativa inovadora. “Pois, além de capacitar bombeiros hidráulicos, também estaremos formando, homens e mulheres, empreendedores do saneamento. Para a Ambiental Ceará, é muito importante a diversidade, a dignidade do cidadão, do empreendedor, de quem vai fazer esse curso e, principalmente, de quem vai fazer a conexão das casas à rede de esgoto, sempre em busca da universalização do saneamento em nosso estado, principalmente nos 24 municípios de atuação da Ambiental Ceará”, explicou a diretora.

Sônia Parente, gerente da Unidade de Educação Profissional da Unidade de Educação do Senai Ceará, agradeceu a Ambiental Ceará pela confiança e parceria com o serviço e destacou a importância do Mãos e Obras. “Empresas como a Ambiental Ceará têm um papel muito importante para que a universalização do Saneamento Básico se torne realidade e vocês foram agraciados com a primeira turma do município de Fortaleza”, afirmou.

A primeira turma do Mãos e Obras, além do curso de Técnicas de Instalações Hidráulicas, irá receber, aulas de empreendedorismo com aulas específicas de técnica de venda de esgotamento sanitário. Após a certificação, eles também ganharão kit de ferramentas para poderem atuar como bombeiros hidráulicos. “O que a Ambiental Ceará quer é formar bons técnicos, oferecer a capacidade de todo mundo saber empreender na área do saneamento”, explicou Águeda Muniz.

O curso Técnicas de Instalações Sanitárias tem 60 horas/aula, com encontros teóricos e práticos sobre técnicas utilizadas em pequenos reparos, além de consertos de vazamentos internos nas residências e instalação de tubulações, com atenção especial às de esgoto.

PPP de esgotamento sanitário

Universalizar o esgotamento sanitário é a premissa da Parceria Público-Privada (PPP) firmada entre a Cagece e a Ambiental Ceará. A empresa é responsável pela ampliação, operação e manutenção do sistema de esgotamento sanitário em 24 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri, atendendo 4,3 milhões de cearenses. Ao todo, R$ 6,2 bilhões serão investidos em obras, levando esgotamento sanitário para 90% da população até o ano de 2033, e avançando para 95% em 2040.

Fotos: Gerência de Comunicação Senai

Compartilhar:

Veja Também

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Ambiental Ceará e saiba mais sobre obras, programas e projetos.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Ambiental Ceará trabalha diariamente para ampliar e melhorar o índice de coleta e tratamento de esgoto.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Ambiental Ceará é responsável pelos serviços de coleta, afastamento e tratamento de esgoto em 24 municípios cearenses.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.