Notícias

Ver notícia

Desde o início da operação, a empresa tem feito mutirões em parceria com o IDT, que executa a política do Sine no Estado

A diretoria da Ambiental Ceará recebeu, na manhã desta quarta-feira (4), o presidente do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Raimundo Nonato Lima Angelo, para fortalecer e ampliar a parceria da empresa com o sistema público de empregos. Desde o início da operação no estado, a Ambiental Ceará tem feito mutirões de entrevistas para preenchimento de vagas, em parceria com o IDT, organização social qualificada pelo Governo do Estado para a execução da política do Sistema Nacional de Emprego (Sine).

“O projeto de universalizar o acesso à coleta e ao tratamento de esgoto em 24 cidades é uma operação grande e que demanda muita mão de obra. Essa parceria com o IDT e o Sine, que estamos estreitando ainda mais, garante transparência ao nosso trabalho e mais oportunidades para a população”, afirma o diretor-presidente da Ambiental Ceará, André Facó. Por meio da parceria com o IDT, a empresa realizou mutirões de entrevistas em algumas cidades das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri e já efetivou 275 colaboradores por meio da divulgação de vagas realizada pela entidade.

 Além de Facó, a diretora de Relações Institucionais da Ambiental Ceará, Águeda Muniz, e a gerente de Recursos Humanos, Sabrina Barreiro, participaram do encontro com o presidente do IDT e também com diretor de Promoção do Trabalho e Empreendedorismo da entidade, Rubens da Cunha Rodrigues, e o coordenador da Intermediação de Profissionais, Grijallba Marques.

PPP de esgoto
Por meio da Parceria Público-Privada (PPP) firmada com a Cagece, a Ambiental Ceará é responsável pela ampliação, operação e manutenção dos sistemas de esgotamento sanitário em 24 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri. A PPP atende 4,3 milhões de pessoas e, ao todo, R$ 19 bilhões serão investidos – desse total, R$ 6,2 bilhões serão aplicados em obras.

A Ambiental Ceará, em parceria com a Cagece, irá cumprir as metas estabelecidas pelo Novo Marco Legal do Saneamento, que determina que 90% da população tenha acesso à coleta e ao tratamento de esgoto até o ano de 2033, avançando para 95% em 2040.

Compartilhar:

Veja Também

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Ambiental Ceará e saiba mais sobre obras, programas e projetos.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Ambiental Ceará trabalha diariamente para ampliar e melhorar o índice de coleta e tratamento de esgoto.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.