Notícias

Ver notícia

Apresentar o maior projeto de esgotamento sanitário do Ceará, conhecer de perto as cidades que serão atendidas e estreitar relações com os gestores municipais. Com estes objetivos, a  Ambiental Ceará, empresa da Aegea Saneamento, e a Companhia de Água do Ceará (Cagece) iniciaram as visitas institucionais aos prefeitos das cidades que serão atendidas pela Parceria Público-Privada (PPP) de esgoto. Nesta quarta-feira (15/02), a equipe estará em Maranguape e Guaiúba. Os encontros seguem, até o início de março, para alcançar os 17 municípios das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri.

A primeira visita, realizada na última sexta-feira (10/02), foi com o prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, e também com a presença da deputada federal, Fernanda Pessoa. Na segunda-feira (13/02), foi a vez dos municípios de Horizonte, com o prefeito Nezinho Farias; de Pacajus, com o prefeito Bruno Pereira; Eusébio, Acilon Gonçalves; e Aquiraz, com o prefeito Bruno Gonçalves. As conversas contaram também com a presença de deputados estaduais, vereadores e secretários municipais.

O diretor-presidente da Ambiental Ceará, André Facó, ressaltou a alegria de fazer parte da maior Parceria Público-Privada de esgoto do Brasil. “Esse projeto só foi possível pela modelagem da Cagece. É um grande desafio que enfrentaremos com muita eficiência operacional e qualidade nos serviços prestados. Nossa meta é, até 2033, proporcionar o acesso ao esgoto para 90% da população desses municípios e, em 2040, 95% das pessoas. Além da parceria com a Cagece, a participação das prefeituras é fundamental. Esta obra de infraestrutura irá mudar a realidade de saúde e qualidade de vida de 1,1 milhão de cearenses”, comemorou Facó.

Durante as reuniões, foram apresentadas as etapas da PPP, as atribuições da Ambiental Ceará e da Cagece e os investimentos que serão feitos nos municípios. O presidente da Cagece, Neuri Freitas, afirmou que o objetivo é estreitar relações e fortalecer parcerias. “A ideia é apresentar o que faremos neste início de contrato. Estamos com um contrato firmado e em breve, após a operação assistida, as obras serão iniciadas. Este é também um momento de escuta sobre as expectativas dos municípios e aproveitamos para explicar toda a parte operacional que está prevista para a ampliação do serviço, mostrando os valores e as metas de investimento”, disse Freitas. 

As próximas visitas serão às cidades de Chorozinho, Maranguape, Guaiúba, Cascavel, Pacatuba, Itaitinga, Juazeiro do Norte, Barbalha, Missão Velha, Nova Olinda, Santana do Cariri e Farias Brito.

O gestor de Horizonte, Nezinho Farias, garante que a Prefeitura atuará como parceira da Ambiental Ceará e Cagece para a realização das obras. “Reconhecemos a importância deste projeto para a nossa cidade. Nós já sonhávamos com essa ampliação do esgotamento sanitário há muitos anos. Estamos à disposição para contribuir no que for necessário para que este projeto dê certo e traga benefícios para nossa população.”

No Eusébio, o prefeito Acilon Gonçalves observou a importância de investimentos no saneamento básico para melhorar a saúde da população. “Esta obra é o sonho da Secretaria da Saúde e da população, pois é provado que o saneamento melhora muito o nível de saúde da cidade. Para que esses benefícios cheguem logo às comunidades, é preciso trabalharmos juntos. Nós estamos como parceiros nas obras e na área social. Por isso, iremos visitar todos os domicílios para conscientizar os moradores sobre a importância de realizar a ligação à rede de esgoto.” 

As visitas também contam com a presença da diretora de relações institucionais da Ambiental Ceará, Águeda Muniz; dos diretores executivos da Ambiental Ceará, Elisa Ribeiro e Fernando Lima; e diretores e técnicos da Cagece. 

Ambiental Ceará

A Ambiental Ceará é uma empresa da Aegea, grupo líder em saneamento privado no país. A partir da assinatura do contrato de Parceria Público-Privada (PPP) de esgotamento sanitário, firmado com o Governo do Estado e a Companhia de Água e Esgoto do Estado do Ceará (Cagece), a empresa fica responsável pela universalização do esgotamento sanitário em 17 cidades das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri. Os investimentos garantirão que 1,1 milhão de cearenses tenham acesso à coleta e tratamento de esgoto, promovendo mais saúde, dignidade humana e qualidade de vida.

Em cinco anos, a concessionária deverá dobrar a cobertura de esgotamento sanitário nos municípios que hoje é de apenas 30%. A meta é chegar a universalização até 2033, garantindo que 90% da população tenha acesso à coleta e tratamento de esgoto, avançado para 95% até 2040. 

Um total de R$ 2,6 bilhões deve ser destinado para as obras de ampliação, operação e manutenção dos sistemas de esgotamento sanitário. O projeto contempla a implantação de 2.500 km de novas redes de esgoto, 18 novas Estações de Tratamento de Esgoto, 159 novas Estações Elevatórias de Esgoto e mais de 325 mil novas ligações de esgoto.

Compartilhar:

Veja Também

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Ambiental Ceará é responsável pelos serviços de coleta, afastamento e tratamento de esgoto em 24 municípios cearenses.

Contato Saiba mais
Contato

O atendimento ao cliente permanece com a Cagece. Utilize a Central de Atendimento da Cagece para qualquer solicitação.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.