Notícias

Ver notícia

Nesta sexta-feira (16), os diretores das duas empresas estiveram com o secretário de Infraestrutura de Caucaia

A Ambiental Ceará e a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) iniciaram as visitas às cidades contempladas no Bloco 2 da Parceria Público-Privada (PPP) de esgotamento sanitário. Na manhã desta sexta-feira (16), os diretores das duas empresas estiveram com o secretário municipal de Infraestrutura de Caucaia, André Luiz Daher, e mais gestores da pasta, para apresentar o modelo de operação, investimentos e ações previstas para a cidade dentro da maior PPP de esgotamento sanitário do país, que vai universalizar o acesso à coleta e tratamento de esgoto em 24 municípios cearenses.

O diretor-presidente da Ambiental Ceará, André Facó, a diretora de Relações Institucionais, Águeda Muniz, e o diretor executivo, Fernando Lima, compartilharam informações acerca das tecnologias que serão empregadas nas obras e dos programas de aproximação e relacionamento com as comunidades, a exemplo do Afluentes. O encontro foi, ainda, o momento de ouvir as principais demandas do município, em relação ao saneamento, para que essas particularidades já sejam incorporadas ao plano de obras e melhorias que a Ambiental Ceará vai realizar em Caucaia. Além do secretário André Luiz, estavam presentes na reunião a secretária adjunta de Infraestrutura, Eveline Mota, e Robson Vieira, da mesma pasta.

Diretorias da Ambiental Ceará e da Cagece em visita ao secretário de Infraestrutura de Caucaia. (Foto: Divulgação/ Rayane Mainara).

Para a próxima semana já estão marcadas visitas aos prefeitos de Trairi, Paraipaba e Paracuru. Os encontros com os gestores de Fortaleza, São Gonçalo do Amarante e São Luís do Curu serão articulados de acordo com a agenda de cada prefeito. 

Universalizar o esgoto

A PPP de esgotamento sanitário foi firmada com o objetivo de cumprir as metas estabelecidas pelo Novo Marco Legal do Saneamento, que determina que 90% da população tenha acesso à coleta e ao tratamento de esgoto até o ano de 2033. A Ambiental Ceará passa a atender 24 cidades, beneficiando 4,3 milhões de pessoas, o equivalente a mais de 60% da população urbana do Estado. Ao todo, R$ 6,2 bilhões serão investidos na operação, ampliação e manutenção do sistema de esgotamento sanitário destas cidades.

Em maio, a Ambiental Ceará iniciou as obras nas 17 cidades das regiões metropolitanas de Fortaleza e do Cariri que integram o Bloco 1. Já o Bloco 2, cujo contrato foi assinado também em maio e contempla Fortaleza e seis cidades, está na etapa de operação assistida. 

Compartilhar:

Veja Também

Contato Saiba mais
Contato

O atendimento ao cliente permanece com a Cagece. Utilize a Central de Atendimento da Cagece para qualquer solicitação.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Ambiental Ceará e saiba mais sobre obras, programas e projetos.